quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

When you believe...

"Many nights we've prayed with no proof anyone could hear
In our hearts a hopeful song we barely understood
Now we are not afraid although we know there's much to fear
We were moving mountains long before we ever knew we could

In this time of fear, when prayer so often proved in vain
Hope seemed like the summer birds... too swiftly flown away
Yet now I'm standing here with heart so full I can't explain
Seeking faith and speaking words I never thought I'd say

There can be miracles when you believe
Though hope is frail It's hard to kill
Who knows what miracles you can achieve?
When you believe somehow you will
You will when you believe..."

When you believe - Prince Of Egypt
______________________________________________

Existe, dentro de mim, um tipo de força pulsante. Como se cada pulso fosse um jato de luz, que percorresse toda a extensão do meu corpo e se instalasse na minha cabeça, iluminando a pele que cobre minha existência. Quando, em determinado momento, o pulso inconstante deixa de se movimentar, é como se minha carne secasse e só sobrasse a pele vazia pelo chão. E perco lar, perco sinal, perco a mim.

Tentando achar algum sentido para o que pulsa, essa força é como se sintetizasse o que eu sou. E o que se passa é o ir e vir da luz. Que não me acompanha sempre, mas que, quando vem, vem com a intensidade total e me toma por completo.

3 comentários:

Joao JIM disse...

adoro Principe do Egito.. acho um filme muito foda!!

"seja o sol e cegue quem tenta ver atravez"
a frase é minha mas fica entre aspas mesmo.. uaheiaueha
;]

Leonardo disse...

A N Y T H I N G!








You will when you believe...

Anônimo disse...

Obrigado por intiresnuyu iformatsiyu